domingo, 21 de setembro de 2008

Tempos

Nestas duas últimas semanas discuti numa disciplina a questão do tempo. Infelizmente, o tema do curso não gira sobre essa polêmica e, portanto, feitas as considerações, passamos aos tópicos seguintes. No entanto, as questões levantadas foram tão pertinentes que geraram debates posteriores entre eu e um grande amigo, quase comparsa, e esta postagem.

Não pretendo escrever um artigo sobre as noções de temporalidade neste curto espaço. Só resgato, através da fotografia, um aspecto que dominou a polêmica, principalmente a parte com meu comparsa: a relativização da temporalidade.

Permanências, sincronias, diacronias e superações são alguns conceitos, com relativizações necessárias, para pensar como construímos nossas noções de tempo e de temporalidades. As fotos que seguem são pequenas amostras.





8 comentários:

LF Nabuco disse...

Oi Vitor,

Bacanas as suas fotos. Tô vendo que você está fazendo alguns estudos, experimentando... tá no caminho. Mas acho que as fotos têm personalidade, isso é fundamental.

Abração e vamos juntos!

walter disse...

Cara agora vc mandou muito bem.

Muito boas as fotos, tempo é algo peculiar, e suas fotos foram um tanto quamto peculiares.

Gestei bastante, meus parabens!

THIAGO LEMOS disse...

FUI SURPRENDIDO PELA VELOCIDADE DA LUZ, QUANDO EM FOCO ESTÁVA O MEU DESTINO, APENAS UM MILÉSIMO DE SEGUNDO, MAS ME MECHER. EMQUADRADO FUI PELA DESTANCIA DE UMA PAISAGEM. QUE NUNCA, MAS IRA SE PASSAR, A NÃO SER POR ESTÁ FOTO.
VALEU CAMARADA.
UM FORTE ABRAÇO VITOR VOGEL.

disse...

"como se contasse sua própria história e de quem chorou"

pois bem, intrometa-se sempre que quiser, quando o assunto são palavras nada melhor que um seja bem vindo...
muito obrigada pelo elogio ^^

sabe que sempre quis fotografar tão bem assim também?
(:
faça minha as suas palavras,
parabéns!
ah, e adorei a reflexão!

disse...

ora pois, são seu olhos (:

brincar com palavras é uma música, só sentir a melodia e se deixar levar :]

que bom que você gosta das minhas!
rs.
a gente fica mais inspirado a escrever ...

;]

:*

Taaay disse...

Nossa, adorei esse post, me peguei pensando em inúmeras coisas, fatalidades e banalidades.
Mas amei mesmo as fotos em preto e branco, num sei pq, acho q tenho uma queda por p/b. Acontece...
Bom, sempre q der, passo pra dar uma olhada nos novos posts. Continue com o blog, é muito interessante!

Cintia disse...

Não foi átoa que a primeira vez que vi esse Lindo Rapaz...lhe dei o nome de"Filho de Apalo"...Então é?Amante das artes mais simples e belas como na fotografia e nas letras!
Parabéns de uma simples mortal , mas ês que já amante dos teus encantos!

Cintia Sloboda

carol disse...

Cintia, eu acho que te achei !!
tirei umas três fotos na sua máquina .. meu e-mail é carol_bmk@hotmail.com

beijo, espero resposta !
Não te achei no orkut.